ENTIDADE DIRETORIA NOTÍCIAS SITES TRABALHOS CONTATO

 

TRABALHOS

Evite surpresas com o Fisco
 A ajuda de seu contador é imprescindível
 
Gustavo Migliavacca (*)
 
         Não há empresário que não se queixe da lata carga tributária e do grau de burocracia e exigências de informações solicitadas pelo Fisco. Afinal, para manter-se em dia, é preciso paciência, tempo, boa memória e estar sempre em busca de novidades tributárias....e isso, a classe contábil o tem  todos os dias. Segundo uma pesquisa do Instituto Brasileiro de Planejamento Tributário, cerca de trezentas novas normas são editadas ou reeditadas por ano; ou seja, temos mais leis do que dias úteis de trabalho ao longo do exercício.
 
         É fácil assim para o empresário se perder em meio a tantas mudanças e informações novas, todas devidamente acompanhadas de prazos e valores que se multiplicam caso sejam aplicadas multas - sempre elas - se alguns aspectos dessas mudanças não forem observados e respeitados. Como aspecto agravante, a legislação muitas vezes é confusa; nesse caso, o profissional da contabilidade serve como apoio seguro para que o empresário entenda como são os processos de tributação a qual sua empresa está enquadrada. O contador pode de forma didática orientar ao seu cliente sobre todos os impostos e obrigações acessórias.
 
 Para facilitar mais o manuseio de tantas informações, algumas dicas:
 
- Marque reuniões periódicas com seu contador para esclarecimentos e orientações;
- Nessas reuniões, analise as informações da sua empresa e procure novas alternativas por meio de planejamento tributário, questione;
- Tenha a documentação sempre em mão e organizada;
- Faça um arquivo de documentos restringindo o acesso a certo número de pessoas;
- Cobre do seu contador as negativas de débito que provam a regularidade da sua empresa diante do fisco;
- Organize datas para averiguação e pagamento de impostos;
- Crie o hábito de registrar todas as atividades da sua organização;
- Invista no constante treinamento de funcionários que tem contato com a parte legal e fiscal.
 
      É importante sempre salientar que a mútua colaboração entre contador e empresário é a chave principal para moldar o correto comportamento diante do Fisco e as suas obrigações.


(*) Gustavo Migliavacca
Contador
gustavo@migliavacca.com.br

adm@apescont.com.br